ogima

— Onda Ogima —

A “Onda OGIMA” é uma iniciativa do Instituto de Segurança Social, IP-RAM, no âmbito das comemorações do dia internacional para a eliminação da violência contra as mulheres, com o propósito de criar um Mural Digital que contribua para a prevenção da violência doméstica e promoção de uma nova cultura sobre as relações de intimidade, baseada no respeito por si e pelo “Outro”.

Trata-se de um enorme painel unificado onde, numa linguagem de histórias em quadradinhos, os jovens ensinam e reclamam para o nosso tempo relações tipo Ogima (ogima=amigo), e denuncia e repudia qualquer uso de violência nas relações interpessoais sobretudo nas relações intima (namoro, conjugalidade, parentalidade e outras).

Cada célula do Mural (“quadradinho”) encerra uma história que traduz a reflexão de cada participante sobre a nova linguagem das relações que repudiam e daquelas que reclamam para hoje.Esta é uma pedagogia apresentada em forma de: vídeo, foto, desenho, cartaz ou texto.

Concurso Onda Ogima

— Para quê? —

A cultura é um dos importantes fatores responsável pelo comportamento humano. A mudança consistente de atitude faz-se também com a mudança cultural. O Ogima (Amigo) é já um movimento dinâmico de apelo à Amizade na RAM, numa manifestação de clara rejeição da violência nas relações interpessoais.

A “Onda Ogima” é uma oportunidade dada às crianças e jovens da Madeira de contribuir ativamente com a expressão do seu pensar e do seu sentir para este movimento e deste forma promover uma cultura de respeito pela dignidade da pessoa humana, onde a violência não tem lugar.

Permite também identificar as representações cognitivo/emocionais dos jovens sobre as relações de intimidade, facilitar a reflexão sobre atitudes e comportamentos adotados nas relações interpessoais; desmontar crenças e preconceitos, e sobretudo, mobilizar competências e motivações para a construção saudável de uma identidade de Si e da Relação com o Outro.

— Para Quem? —

Todas as crianças e jovens da RAM integradas no ensino básico do 1º e 2º Ciclo são convidados a construir o MURAL DIGITAL e abraçar a ONDA OGIMA. A divulgação do concurso será realizada através dos estabelecimentos de ensino, internet, ações de sensibilização à comunidade.

— Como Participar? —

  1. Cada participante tem à sua disposição uma Célula (quadradinho) do Mural. Nesta pode integrar apenas um trabalho utilizando um dos formatos alternativos já acima apresentadas:
    • um desenho
    • um cartaz
    • um texto (poesia ou prosa)
    • um vídeo (1 minuto de gravação)
    • uma foto
  2. O trabalho a apresentar poderá traduzir uma expressão concreta da realidade e/ou uma representação simbólica da mesma.
  3. Qualquer um destes trabalhos terá de apresentar duas faces opostas da relação:
    • a expressão de violência (“o inaceitável”)
    • a expressão de respeito entre as pessoas envolvidas na relação ( “o desejável”)
    Por exemplo, a construção de um trabalho sobre o namoro que reflita ciúme e controlo, terá de integrar também a faceta do namoro na confiança e liberdade de expressão.
  4. Para concorrer à construção do Mural os participantes devem aceder ao Mural Digital, preencher o formulário de "participação" aí apresentado e anexar o trabalho candidato a concurso. Os autores do trabalho podem ser pessoas individuais ou grupos.
  5. Após a submissão do trabalho este será direcionado para uma caixa de correio para aprovação. Será realizada uma apreciação prévia dos trabalhos, sendo integrados no Mural apenas os que cumprem os critérios estabelecidos no concurso.
  6. Todos os participantes receberão um Certificado de Participação na construção do Mural Onda OGIMA.

— Avaliação dos trabalhos —

  1. Os trabalhos serão avaliados por categoria. Ao melhor trabalho de cada uma das categorias será atribuído um prémio. Os prémios a atribuir serão divulgados no Mural Digital.
    Os trabalhos serão apreciados por um júri composto por diversos parceiros que intervêm diretamente na problemática da violência doméstica.
  2. Os critérios de avaliação envolvem:
    • criatividade;
    • originalidade do conteúdo;
    • adequação/coerência temática;
    • utilidade pedagógica
  3. O juri é soberano e das suas decisões não haverá recurso.
  4. O mural digital “Onda OGIMA” terá aplicação ativa para receção dos trabalhos até 25 de outubro de 2017. A medida que são recebidos e cumpram com os requisitos do concurso serão disponibilizados no Mural.
  5. A 25 de novembro de 2017 será entregue o prémio aos vencedores do concurso.

O seu trabalho terá de ser adicionado manualmente como ficheiro anexo no seu programa de email.

— Mural Digital —

Entidades Responsáveis

entidades

Contactos

Instituto de Segurança Social da Madeira, IP-RAM

  issmadeira@seg-social.pt

  291 205 100